terça-feira, 25 de maio de 2010

Perambulando à noite...

Cerca de uma hora atrás, estava fazendo uma das coisas que, no Brasil, são impensáveis. E não é nada de mais: estava perambulando pelo Minatomirai, à noite, sozinho, tirando fotos. Se fosse no Brasil... acho que não preciso nem dizer.

Definitivamente, esta sensação de liberdade é uma das maiores qualidades deste país. Para nós brasileiros, que estamos acostumados com o "auto-enjaulamento" em casas com muros altos e cercas elétricas, é até estranho ver carros de luxo estacionados nas garagens sem portão, por exemplo.

Com isso em mente, procuro aproveitar o tempo de uma maneira que no Brasil não seria possível. Quando cheguei à JICA, topei com a minha 担当者(たんとうしゃ), com quem tinha conversado umas 2 horas antes. Ela ficou surpresa, e disse:


活発的(かっぱつてき)ですね!』


Isso equivale a dizer "Como você é ativo!", um adjetivo que, na minha cidade natal, dificilmente seria aplicado a mim.

Bom, vou compartilhar mais algumas fotos desta bela região do Minatomirai:




Tirei todas elas nesse passeio. O vento estava muito forte, parecia até 台風(たいふう).

Falando em fotos, como você, turista, pediria para algum transeunte tirar uma foto sua? Bom, geralmente, se você tem traços ocidentais, basta esticar o braço e soltar um すみません que eles prontamente atendem o pedido!

Mas se você acaba se "camuflando" no meio dos nativos, isto é, passa despercebido no meio da multidão daqui (como eu), acho que vale a pena saber dizer certinho:


『すみません、写真(しゃしん)(と)ってもらえますか?』


Se quiser ser um pouco mais formal, pode trocar o 『もらえますか』 por 『もらえますでしょうか.

Pois é, estrangeiros nikkeis têm esse pequeno problema! Talvez não chegue a ser um problema, mas se eles não fazem ideia de que você não é nativo, de certo modo exigem que você peça do modo correto, que é o que se espera das pessoas daqui.

Mas se você quiser se oferecer para tirar a foto para alguém, como eu fiz ontem a noite para um casal, pode dizer de maneira bem simples:


撮りましょうか?』


O casal, por sinal, ficou bem contente com o meu gesto, e consequentente eu também me senti bem!

Bom, por hoje é só. Até o próximo post!

4 comentários:

Satoshi disse...

O truque para andar de madrugada no Brasil é não levar pertences e parecer mendigo. Ninguém te importuna.

Eu tenho bastante prática nisso.

Georgia disse...

Imagina, passear a noite aqui no Brasil, ai ai, e como uma câmera digital ou celular na mão... não duraria 5 minutos!
Anata no shashin ga dai suki desu!
Kisu ;)

Rafaela Gimenes disse...

Adoro edifícios.

바보 disse...

Pode crer, quando eu tava andando pelas ruas de Tokio, na frente do World Trade Center de la, eu tava tirando fotos do meu tio aí um cara chegou perguntando se nao queria que ele tirasse pra gente! ^^
Ficamos surpresos e aceiamos, claro. Aí eles sempre falam とりま~す! haha!

Ai, que saudades...
Gabriel, aproveita bem aí... ^^ e não esquece do meu livro! hhahaa!